Você está aqui: Página Inicial > Contents > Notícias > Arte feminina permanecerá em cartaz até 7 de junho

Notícias

Arte feminina permanecerá em cartaz até 7 de junho

Instalada no 1º andar da Biblioteca Central, exposição Concha é composta por obras de 19 artistas plásticas que moram na Paraíba
publicado: 16/05/2019 09h16, última modificação: 16/05/2019 09h16

Um recorte da atual produção de artistas mulheres residentes na Paraíba, com o propósito de evidenciar a riqueza e a diversidade das suas produções poéticas. Este é o intuito da exposição Concha, instalada no 1º andar da Biblioteca Central da Universidade Federal da Paraíba (BC/UFPB). Promovida pela Pinacoteca da UFPB e em cartaz na BC até o dia 7 de junho, a mostra é composta por 33 obras de 19 artistas. São fotografias, desenhos, ilustrações, colagens, pinturas e esculturas.

Grande parte das obras de Concha possui como suporte, o papel, o que denota a busca quase que coletiva das artistas por materiais de baixo custo. A curadoria foi realizada por discentes que viram nas pautas femininas e feministas da atualidade a oportunidade de visibilizar a produção que existe na Paraíba, apontando para uma rica produção artística, porém marginalizada e minimizada pelo sistema de arte.

Ambiguidade

O título da exposição surgiu da busca da equipe da Pinacoteca por um nome singular, algo que pudesse representar unicamente as mulheres, mas sem qualquer direcionamento temático, não tratando-se de feminino, mas sobre o que as artistas produzem atualmente. Concha traz certa ambiguidade, pois alude de forma sutil o feminino e o seu significado em espanhol (vagina).

Concha expõe obras de alunos do curso de Artes Visuais, como Amanda, Ana Lua, Brenda e Vitoria. Enquanto Yasmin, Layla e Mayara optam pela arte política e o feminismo, Tiffanie e Rana exploram uma apurada fatura estética mediante suas colagens, com Flavia Fernandes trazemos um exemplo de arte terapia, em que a arte explora os limites da mente. Há ainda a aquarela de Eli, o nanquim de Catarine, o pontilhismo de Albenise, as fotografias de Katarine, a solidão urbana em Mainara e a contemplação da natureza de Cris Medeiros. Também integram a mostra obras assinadas por Cris Peres, Aurora e Stephanie.

Com fotos e assessoria da Pinacoteca da UFPB

Contatos da Seção de Referência:

Telefone:  (83)3216-7105
E-mail:  referencia@biblioteca.ufpb.br
Chat: 
Fale com o Bibliotecário