Você está aqui: Página Inicial > Contents > Notícias > Obras estruturais na BC devem começar em agosto
conteúdo

Notícias

Obras estruturais na BC devem começar em agosto

R$ 4,3 milhões serão aplicados em segurança e comodidade para usuários; não haverá alteração no horário de atendimento ao público
publicado: 23/07/2019 07h44, última modificação: 29/07/2019 10h21

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) recebeu, na última sexta-feira (19), R$ 4,3 milhões do Ministério da Educação (MEC) para reforma da Biblioteca Central, no campus I, em João Pessoa. Essa verba será destinada a obras que propiciem mais segurança e comodidade aos usuários. Os serviços deverão começar no mês de agosto, após licitação. O atendimento, de segunda a sexta, das 7 às 22h, e aos sábados, das 8 às 13h, permanece inalterado.

Os recursos serão investidos, por exemplo, na construção de parapeitos e de rampas de acesso, colocação de corrimões e sinalização para extintores e hidrantes. Reparos emergenciais como iluminação e sinalização no piso para casos de emergência foram realizados nos últimos dois meses.

“Por meio da Superintendência de Infraestrutura (Sinfra), avaliamos nossas instalações e solicitamos laudo técnico do Corpo de Bombeiros. Chegamos à conclusão de que, realmente, há a necessidade de intervenções para melhorar as condições de segurança e de acessibilidade da Biblioteca Central da UFPB, conforme as legislações vigentes”, reconhece o chefe de gabinete Raimundo Barroso.

O gestor afirma que, ao constatar as irregularidades, reparos emergenciais foram imediatamente executados. “Foi o acordado com o Ministério Público Federal (MPF), após algumas audiências nos últimos 60 dias. Enquanto isso, ficamos aguardando recursos extraorçamentários serem liberados pelo MEC, para intervenções mais estruturais. A Coordenação de Orçamento (Codeor) nos confirmou a transferência nesta manhã”, acrescentou Barroso.

O repasse pelo MEC foi decidido judicialmente na última sexta-feira (12), durante audiência com UFPB e MPF. Na ocasião, foi avaliada a necessidade de cerca de R$ 4,5 milhões para os trabalhos. Nesta semana, a pasta federal consultou se a UFPB tinha projetos para as obras. A restruturação é resultado de consulta realizada pelo MPF à UFPB, sobre as condições de segurança da Biblioteca Central. O procedimento foi motivado por denúncia anônima ao órgão.

Ampla oferta de serviços

A Biblioteca Central da UFPB tem três pavimentos distribuídos em 8.500 m², com ambiente de leitura com 210 assentos e rede wi-fi; auditório, sala de seminários e sala de reuniões com capacidade para até, respectivamente, 50, 36 e 12 pessoas; espaços para leitura e descanso, jogos, exposição e lançamento de livros e apresentações culturais.

No prédio, também funcionam o Centro de Recuperação de Computadores, Pinacoteca da UFPB, Programa de Estudos Portugueses Hernani Cidade, Programa de Pesquisa em Literatura Popular, Sala Hernano José e ponto de venda da Editora Universitária.

No local, trabalham 112 pessoas, entre servidores, terceirizados e estagiários, em 16 setores. A Biblioteca Central realiza mais de 45 mil empréstimos domiciliares por ano. Seu acervo conta com mais de 440 mil livros e periódicos impressos e 335 mil em formato digital. Além disso, oferta, para consulta, mais de dez mil CDs e DVDs e 1,5 mil livros e periódicos e 350 audiobooks com acessibilidade.

Com assessoria da Ascom/UFPB

Contatos da Seção de Referência:

Telefone:  (83)3216-7105
E-mail:  referencia@biblioteca.ufpb.br
Chat: 
Fale com o Bibliotecário